Glossário de Moda

A

Animal Print: estampa que remete a diversos animais, como zebra, onças, tigres, etc.

Acrílico: fibra sintética. Leve e ótimo isolante térmico, resistente ao desgaste.

B

Boca de sino: calça com a barra larga, muito popular nos anos 60 e 70.

Blusa Cigana/ciganinha: também conhecido como decote ombro a ombro, a blusa cigana deixa os ombros à mostra.

Blusa cacharel: sua principal característica é a gola alta.

Body: semelhante ao maiô, o body possui abotoamento entre as pernas. Nos últimos anos, a peça vem se reinventando com diversos tipos de mangas, tecidos e golas.

Babado: tira de tecido costurada de forma franzida em roupas e acessórios. Sua principal característica é transmitir delicadeza e feminilidade.

Boho chic: está relacionado ao estilo boêmio, misturando referencias étnicas como country, folk e vintage. Este estilo é caracterizado pelo uso de vestidos longos, batas, crochê, franja, botas em camurça, rasteirinhas, etc.

Botonê: malha texturizada com “pontinhos” de cor entre sua trama, criando um aspecto rústico e desgastado.

C

Calça boot cut: modelo de calça com modelagem justa nos quadris e mais ampla a partir do joelho.

Calça boyfriend: modelo de calça jeans feminino inspirada em calça jeans masculina (folgado, com gancho baixo e pernas amplas), como se fosse roubado do guarda-roupa do namorado (boyfriend, em inglês).

Calça capri: sua principal característica é o comprimento encurtado, que fica entre abaixo do joelho até a altura logo acima do tornozelo. Seu nome provém da ilha de Capri, Itália, onde o modelo ficou muito popular no fim dos anos 1950 e início dos anos 1960.

Calça cenoura: é um modelo acinturado, com volume lateral nos quadris e justa em direção à barra.

Calça cigarrete: justa nos quadris até os tornozelos, com comprimento na altura do tornozelo.

Calça pantalona: modelo de calça superlargo na barra, se ajustando um pouco nas coxas. Popularizou-se na década de 1970.

Calça flare: semelhante à calça pantalona e boot cut, a calça flare tem a barra larga. Geralmente é mais ampla desde a coxa, ficando mais larga até à barra.

Cetim: tecido plano leve com toque acetinado.

Cirré: malha com elasticidade, aparência brilhante.

Chambray: tecido plano leve com aparência de jeans.

Chiffon: tecido plano leve, com leve transparência.

Choker: derivado do inglês choker, que significa gargantilha. Popularizou-se na década de 1990 e voltou à moda na década de 2010.

Cotton: malha encorpada com elasticidade.

Cotton satin: tecido plano com leve brilho.

Cool: derivado do inglês cool (legal, bacana) esse termo geralmente é usado para definir um estilo descolado.

Couro sintético: tecido sintético com aparência de couro.

Crepe: tecido com superfície enrugada e aspecto opaco.

Cropped: refere-se às peças com modelagens mais curtas, como blusas cropped ou calça cropped.

D

Decote canoa: é um decote que vai de um ombro a outro, lembrando a forma de uma canoa.

Decote coração: seu formato da parte superior possui forma de coração, muito usado em blusas e vestidos de festa.

Decote degagé: também conhecido como “gola boba”, é um decote amplo que deixa parte dos ombros e colo à mostra.

Decote ombro a ombro: também conhecido como "decote ciganinha", deixa os ombros e o colo à mostra.

Destroyed: refere-se a roupas com aspecto envelhecido e gasto. (do inglês, destruído).

E

Elastano: fibra sintética utilizada para dar maior elasticidade aos tecidos.

Étnico: refere-se ao estilo ligado aos aspectos culturais de uma raça ou povo, sendo feita através de trajes típicos, adornos, técnicas de estamparia, entre outros.

F

Flamê: malha que ganha engrossamento na espessura ao longo dos fios apresentando áreas mais claras e escuras.

G

Godê: refere-se ao tecido cortado de forma enviesada com corte circular, apresentando círculos menores na parte superior e maiores na inferior, sem precisar recorrer a pregas ou franzidos. O termo também é aplicado à peças de vestuário confeccionadas dessa maneira.

Gorgorão: malha encorpada com pequenas nervuras.

Guipir: tipo de renda mais elaborada e espessa que a habitual.

H

Helanca: malha com boa elasticidade, se modela ao corpo e tem rápida secagem.

I

Ilhós: aro de metal para passagem de fita ou cordão. São itens utilitários, às vezes usados meramente para decoração.

J

Jeans: tecido plano de trama grossa. Pode ser produzida em cor azul ou preto.

Jacquard: tecido ou tricô encorpado em que se destacam padrões coloridos sobre um fundo de cor diferente.

Jaqueta bomber: é inspirada nas jaquetas do exército norte-americano. Suas principais características as mangas largas, fechamento frontal em zíper ou botões, além de gola, punhos e barra fechados com elásticos para não deixar o frio entrar.

Jaqueta perfecto: a jaqueta caracteriza-se principalmente por possuir fechamento frontal em zíper com leve posição diagonal.

Jardineira: macacão sem mangas, geralmente confeccionado em jeans ou sarja que pode ser usado sobre uma blusa.

Jeans: artigo de confecção têxtil que usa o denim como matéria-prima.

Jegging: se refere às calças legging com elastano de visual semelhante ao jeans. O termo surgiu a partir da junção de jeans e legging.

L

Lã: fibra natural de origem animal. Ótimo isolante térmico, permite o corpo transpirar e não amassa.

Lady like: Tendência caracterizada pelo estilo anos 1950. Destacam-se a cintura alta, saias rodadas, cintura marcada, bolsas de mão e estruturadas, etc.

Linho: fibra natural com aparência rústica e muito resistente.

Lurex: fio de alumínio com aspecto metálico e brilho utilizado na confecção de roupas.

M

Macramê: tipo de trabalho artesanal. A técnica de entrelaçamento do macramê permite inúmeras variações de formatos, sendo aplicada em coletes, saias, blusas, acessórios, etc.

Malha: fios entrelaçados, similar ao tricot. Tem maior elasticidade e por isso se ajusta melhor ao corpo, geralmente usado em peças informais por ser mais confortável.

Malha fria: malha com toque gelado.

Manga 3/4: tipo de manga que geralmente termina logo abaixo do cotovelo.

Manga 7/8: tipo de manga levemente encurtada em relação à manga comprida normal.

Matelassê: malha encorpada, pode ser produzida com diferentes desenhos em alto-relevo.

Meia malha: malha leve de textura lisa. Pode ser produzia em diferentes composições.

Microfibra: fibras muito pequenas que podem ser de poliéster, acrílico ou poliamida.

Moletom: malha encorpada com frios grossos no lado avesso, com aparência atoalhada quando não peluciado e toque de macio quando peluciado. Geralmente mais espesso que o moletinho.

N

Navy: é um estilo inspirado no vestuário típico dos marinheiros. Sua principal característica são as listras horizontais e a combinação entre as cores branco, vermelho e azul marinho.

P

Paetê: aviamento com aspecto brilhoso usado para bordar peças de roupa ou acessórios.

Pantacourt: calça com comprimento um pouco abaixo da altura do joelho, sendo usada como um bermudão ou saia-calça.

Peletizada: malha com toque aveludado.

Peluciada: acabamento feito com forte das fibras em um dos lados da malha, garantindo toque macio.

Peplum: é um babado localizado na região do quadril ou final da cintura.

Piquet: malha com textura de pequenos favos.

Plissado: efeito de dobra do tecido, podendo ser mais largas ou finas.

Plush: malha com toque aveludado, aparência externa de veludo. Seu nome em inglês significa pelúcia.

Poá: padronagem de bolinhas simetricamente dispostas.

Pochete: bolsa pequena presa por uma cinta, usada na cintura.

Poliamida: sintética. Tem baixa absorção de umidade, rápida secagem, boa elasticidade e não amassa facilmente.

Poliéster: fibra sintética. Tem baixa absorção de umidade e possui grande resistência ao desgaste. Geralmente utilizado com outras fibras para compor diferentes tecidos.

Poliuretano: produto utilizado para revestir superfícies de tecidos, caracterizando aparência de couro.

R

Renda: malha aberta e delicada formando diferentes desenhos.

Retrô: estilo de roupas, calçados, acessórios que remetem à modelos antigos.

Ribana: malha sanfonada de grande elasticidade, permitindo que o tecido se molde e acompanhe os movimentos do corpo.

S

Saia evasê: tipo de saia levemente aberta na parte inferior.

Saia godê: possui caimento solto e ondulado.

Saia lápis: modelo de saia em formato cilíndrico. É ajustada ao corpo e seu comprimento vai até a altura dos joelhos ou um pouco mais abaixo.

Salopete: é semelhante à jardineira mas possui saia na parte inferior.

Sarja: tecido plano encorpado, pode ser produzido em diferentes cores, com ou sem elasticidade.

T

Tafetá: tecido de toque encorpado e aspecto brilhoso muito usado na confecção de vestidos de festa.

Tecido plano: fios entrelaçados que se cruzam como uma tela, e por isso tem pouca ou nenhuma elasticidade. Geralmente usado em peças formais.

Tela de microfibra: produzido por microfibras com fios de alta secagem e alta transpiração.

Tons pastel: também chamado de candy colors, o termo se refere às cores claras de aparência lavada.

Trench coat: é um casaco geralmente confeccionado em tecido impermeável, com modelagem ampla, fenda traseira, tiras com fivela nos punhos e cinto no mesmo tecido do casaco.

Tricoline: tecido plano leve de fio fino e suave.

Tricot: malha entrelaçada com fios mais grossos, aspecto artesanal e boa elasticidade.

Tule: malha transparente com minúsculos furinhos que imitam uma tela.

T-Shirt: camiseta de malha com formato semelhante à letra T.

V

Veludo: tecido coberto de pelos curtos com aspecto brilhante e toque macio.

Veludo cotelê: tecido encorpado com nervuras verticais e toque aveludado.

Viscose: fibra artificial. Possui brilho, toque suave e não desbota fácil.

©2017 QUINTESS VERÃO 2018